• Pra. Rose Carneiro

Cuidado com o Orgulho


Vamos falar sobre um sentimento que costuma estar escondido nas pessoas, mas que influencia diretamente os seus comportamentos. Vamos falar sobre o orgulho!

A palavra de ordem é: Cuidado com o orgulho!

O orgulho é um sentimento de prazer, de grande satisfação com o próprio valor, com a própria honra. É um sentimento egoísta, admiração pelo próprio mérito, um excesso de amor-próprio. Normalmente o orgulho se assemelha a arrogância e a soberba.

Na Bíblia vemos algumas passagens onde Deus condena esse sentimento:

  • Provérbios 29:23 - O orgulho do homem o humilha, mas o de espírito humilde obtém honra.

  • Provérbios 16:18 - O orgulho vem antes da destruição; o espírito altivo, antes da queda.

  • 1 Pedro 5:5-6 - Da mesma forma, jovens, sujeitem-se aos mais velhos. Sejam todos humildes uns para com os outros, porque "Deus se opõe aos orgulhosos, mas concede graça aos humildes". Portanto, humilhem-se debaixo da poderosa mão de Deus, para que ele os exalte no tempo devido.

  • 1 Samuel 2:3 - "Não falem tão orgulhosamente, nem saia de sua boca tal arrogância, pois o Senhor é Deus sábio; é ele quem julga os atos dos homens.

  • Provérbios 8:13 - Temer o Senhor é odiar o mal; odeio o orgulho e a arrogância, o mau comportamento e o falar perverso.

  • Obadias 1:3 - A arrogância do seu coração o tem enganado, você que vive nas cavidades das rochas e constrói sua morada no alto dos mon­tes; que diz a você mesmo: 'Quem pode me derrubar?'

  • Provérbios 21:24 - O vaidoso e arrogante chama-se zombador; ele age com extremo orgulho.

  • Provérbios 11:2 - Quando vem o orgulho, chega a desgraça, mas a sabedoria está com os humildes.

  • Provérbios 21:4 - A vida de pecado dos ímpios se vê no olhar orgulhoso e no coração arrogante.

O orgulhoso constrói uma barreira ao redor de si, uma barreira que o assegura de que está certo, que é irrepreensível, que não precisa mudar, que o enche de segurança. Essa barreira o protege com uma intenção egoísta, pois nega a possibilidade de aprendizado que, caso tenha sucesso, poderia trazer uma falsa sensação de “eu estava errado”. E para o orgulhoso reconhecer um erro... é muito difícil!

O orgulho é um sentimento nutrido pela imagem que a pessoa tem de si mesma. Essa imagem pode ser real ou imaginária. Tem pessoas que sabem que nutrem esse sentimento, outras não. As que sabem estão numa condição mais crítica, porque embora tenham consciência que é errado, têm prazer nesse sentimento. Esse sentimento dá a essa pessoa a sensação de poder e controle.

Os orgulhosos são pessoas que se julgam superiores por terem alcançado alguma posição, seja ela de que natureza for. Com isso, o orgulhoso se vê como melhor e superior aos outros e inferioriza os outros, embora tenham um discurso de falsa humildade. Muitas vezes as pessoas se orgulham de suas conquistas e querem expor para todos aquilo que conseguiram, mas quando os outros não dão tanta importância elas acabam achando que estão sendo invejadas, o que traz uma certa satisfação pessoal.

O orgulho se ramifica em arrogância, soberba, presunção, prepotência, vaidade, egocentrismo, intolerância, desdém, inflexibilidade e preconceito. O orgulho acredita que para um estar certo, o outro tem que estar errado. Ou, ainda, acredita que aceitar o que o outro diz é “dar o braço a torcer”.

Toda essa gama de situações coloca as pessoas que sofrem desse mal, numa posição inatingível, uma vez que se julgam certos em seus pensamentos. Pessoas orgulhosas são “intratáveis”. Elas não aceitam mudança, correção, repreensão etc.

Os arrogantes são abatidos pelo Criador.

2 Coríntios 11:30 - Se devo orgulhar-me, que seja nas coisas que mostram a minha fraqueza.

A Bíblia trata desse assunto no livro de Jó. O pecado de Jó foi o orgulho. Ele era tão certo de suas convicções, que Deus precisou falar diretamente com ele, após ter mostrado suas fraquezas. Nesse livro, Deus mostrou a Jó através de um dos seres que Ele criou, que era tão forte e perfeito, que não podia ser destruído por ninguém, a não ser pelo próprio Criador.

Jó 40:15 – “Agora considere Behemot, a quem eu fiz junto com você. Ele come grama como um boi.”

Deus descreve os atributos desse ser, o quanto era poderoso e superior a todos. “Ele é classificado como o primeiro entre as obras de Deus. Somente seu criador pode se aproximar dele com sua espada.” (Jó 40:19)

O orgulho de Jó causou estrago em todas as áreas da vida dele:

  • Na saúde – causando enfermidade (Jó 30:17 )

  • Na família – tirando seus filhos; (Jó 1:18)

  • Nas finanças - fazendo ele perder seus bens; (Jó1:13-17)

  • Na honra – sendo desprezado por todos da cidade; (Jó 30:11)

  • Na crença – mostrando que ele queria ser mais justo do que Deus; (Jó 40:8-14)

O orgulhoso pode não chegar a esse ponto de se achar mais justo que Deus, mas com relação aos outros mortais...

Deus completa Seu discurso falando sobre esse ser que Ele criou:

Jó 41:25 – “Na terra, não há nada como ele, uma criatura sem medo. Ele olha diretamente para todas as coisas altas. É rei sobre todas as feras soberbas.”

O coração do orgulhoso é cheio de soberba... embora o discurso seja sempre de humildade, uma maneira de encobrir suas atitudes. Deus fez essa analogia para que pudéssemos entender o perigo que corre o orgulhoso. Se não fosse a forte mão de Deus, Jó não saberia que pecava diante de Deus. As atitudes dele em termos de retidão não eram erradas, mas o coração dele não era humilde.

Por isso, quando Jó entende a sua condição, ele declara:

Jó 42:5-6 – Eu tinha ouvido falar de ti com meus ouvidos, mas agora os meus olhos te veem; portanto, detesto a mim mesmo e me arrependo no pó e na cinza.

A arma contra o orgulho é a humildade. Não espere ser confrontado por Deus, para ser tratado nessa área, mude antes. Ore, busque no Senhor o arrependimento de todo orgulho que porventura esteja no seu coração. Peça a Deus que limpe seu coração e que coloque sobre você um manto de humildade.

#mensagem

26 visualizações
SOBRE NÓS

A Igreja Cristã tem suas raízes firmadas em Israel, sua visão voltada para Terra Santa, onde o Eterno tem dado a oportunidade de conhecer e vivenciar, na prática, as festas bíblicas e os estatutos perpétuos.

LOCALIZAÇÃO

(21) 2721-3971

 

Rua Doutor Celestino, 48 - Centro Niterói/RJ | CEP 24020-091

 

contato@igrejacrista.org.br

CONECTE-SE
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2018 por Eduardo  Carneiro.